ContextoExato

Brasil - Brasília - Distrito Federal - 22 de maio de 2018

Desvende todos os 50 tons de azul e verde do mar de Maceió

Desvende todos os 50 tons de azul e verde do mar de Maceió

Entre coqueirais e 40 quilômetros de orla, capital de Alagoas, o ‘Caribe brasileiro’, tem águas quentes, calmas e de cor indefinida

Por Bárbara Leite - Destak / Foto: Divulgação - 11/05/2018 - 19:12:09

O verde da Mata Atlântica ao fundo, água quente em um mar de várias tonalidades de azul e verde, areia branca e fina, cercada por uma abundante faixa de coqueiros. Tudo isso é Maceió, capital de Alagoas, que também é chamada de "Caribe brasileiro".

São 40 quilômetros (km) de orla e temperaturas altas durante quase o ano inteiro. A cidade tem basicamente duas estações: verão e inverno. No inverno, as chuvas são constantes e modificam a cor do mar. Os meses que mais chovem são entre abril e julho, contudo, nessa época, os preços são mais convidativos.

A cidade tem seu ponto de partida na orla principal, uma extensão de 6 km, formada pelo trio de praias– Pajuçara, Ponta Verde e Jatiúca.

O pedaço de areia mais turístico atende pelo nome de Pajuçara, conhecida pela concentração de hotéis e de barracas de praia. É dali que partem as tradicionais jangadas às piscinas naturais.

A vizinha Ponta Verde, protegida por barreiras de corais, estimula também, em dias com ventos mais fortes, a prática de esportes náuticos como stand up paddle, caiaque e até windsurf. Aos domingos, das 8h às 16h, trechos da avenida Silvio Viana têm acessos apenas para pedestres e esportistas.

Jatiúca abriga também o bairro Stella Maris, polo gastronômico com os melhores restaurantes do destino. A culinária alagoana é rica em frutos do mar e peixes de rios e lagoas. Um dos tradicionais pratos é o sururu, um molusco preparado com leite de coco. A carne seca e tapioca também estão em abundância na gastronomia regional.

Maragogi e Praia do Francês

Boa pedida para quem gosta de praias mais desertas é continuar rumo ao norte, e visitar a praia de Maragogi, distante de 125 km e quase na divisa de Pernambuco. A exuberância das piscinas naturais, popularmente conhecidas como Galés, são imperdíveis.

Alguns passeios são realizados apenas na maré baixa. Melhor verificar a tábua de maré antes de programar a viagem.

Ao sul de Maceió, a estrela é a Praia do Francês. A água é transparente e o mar agrada a todos: tanto quem curte uma calmaria quanto surfistas a fim de pegar boas ondas.

A Praia do Gunga e suas falésias com paredões coloridos também merecem uma visita.

Comentários para "Desvende todos os 50 tons de azul e verde do mar de Maceió":

Deixe aqui seu comentário

Preencha os campos abaixo:
obrigatório
obrigatório